You are viewing archived content
of the Inter-American Foundation website as it appeared on June 1, 2018.

Content in this archive site is NOT UPDATED.
Links and dynamic content may not function, and downloads may not be available.
External links to other Internet sites should not be construed as an endorsement of the views contained therein.
Go to the current iaf.gov website
for up-to-date information about community-led development in Latin America and the Caribbean.

Honduras

Print
Press Enter to show all options, press Tab go to next option

HO-Niña-sembrandoCarteira vigente

Donatários ativos: 32
Recursos comprometidos pela IAF: US$ 9.429.078
Montante dos recursos de contrapartida: US$ 7.868.198
Investimento total: US$ 17.332.109

Áreas de ênfase: Agricultura (diversificação de culturas), responsabilidade social empresarial, desenvolvimento de empresas/acesso a crédito, educação, ambiente, gênero, desenvolvimento rural, turismo, jovem

Informações de contato:
Sarah Stewart, Representante da IAF
 Mary DeLorey, Representante da IAF
Monica Radwan, Assistente de Programas
Norman Sagastume, Apoio Local

Donatários ativos

Centro de Educación Vocacional Grupo Juvenil Dion (GJD) O GJD melhorará as oportunidades de treinamento e emprego para 400 jovens em situação de risco de Tegucigalpa além de melhorar também o padrão de vida dos seus pais, uma vez que trabalha para tornar-se um importante centro de treinamento, emprego e desenvolvimento empresarial.

Asociación de Productores de Hortalizas y Frutales de Intibucá (APRHOFI) A APRHOFI introduzirá 120 agricultores em técnicas modernas que aumentam a produção de frutas e hortaliças. Melhorará também seu centro de armazenagem e processamento e ampliará seu programa de comercialização.

A Organización para el empoderamiento de la Juventud (OYE Adelante Jóvenes) desenvolverá seus programas nas artes, sua revista e suas transmissões de rádio por meio de compras de equipamentos, treinamento e estágios dirigidos a jovens hondurenhos em risco. Trabalhará para tornar estas atividades autossuficientes para que continuem beneficiando jovens hondurenhos vulneráveis e a comunidade de El Progreso. 

O Grupo Güinopeño Ambientalista (Grupo Guia) fornecerá treinamento e assistência técnica em comunidades nos municípios de Yauype e Maraita no sul das Honduras para ajudar os agricultores e suas famílias a aplicarem práticas de conservação, gerenciar seus suprimentos de água, jardins de plantas e criação de pequenos animais para venda e uso doméstico. O trabalho para melhorar o suprimento de alimentos, renda e qualidade de vida geral beneficiará 190 hondurenhos diretamente e outros 1.300 indiretamente.

A Asociación de Desarrollo Pespirense (ADEPES) fornecerá apoio a 200 jovens rurais que estão realizando 16 projetos de desenvolvimento e lançamento de 16 microempresas no município de Pespire, que está localizado em uma região pouco povoada e atingida pela seca do sul de Honduras, onde as condições de vida são duras. Este trabalho de bolseiro é especialmente relevante atualmente porque está se dirigindo a um grupo demográfico que tem sido tradicionalmente excluído da vida econômica e é propenso a migrar. O projeto beneficiará mais de 1.200 hondurenhos indiretamente.

A Junta Administradora de Agua y Saneamiento de las Aldeas de Guayabito, Confradía, Destino, Naranjal y Jicaro Gordo (GUAYABITO) reparará, atualizará e expandirá o sistema de água local, desenvolverá um viveiro de suprimento de árvores para reflorestamento contínuo das bacias hidrográficas e oferta de treinamento em gerenciamento de água e saneamento para os moradores que servem em ordenamento hidráulico nas aldeias de Guayabito, Confradía, Destino, Naranjal e Jicaro Gordo. O trabalho beneficiará 1.500 hondurenhos diretamente e outros 7.500 indiretamente.

A Comisión de Acción Social Menonita (CASM) trabalhará com os agricultores em 15 comunidades no município de Choloma, no departamento de Cortés, para melhorar sua produção, transformação e comercialização de cacau. Com esse objetivo será incentivar a aplicação de práticas "agroecológicas" que são ambientalmente responsáveis, incluindo a salvaguarda da bacia hidrográfica local vital. O projeto beneficiará 450 argentinos diretamente e outros 2.700 indiretamente.

A Asociación de Consejeros para una Agricultura Sostenible, Ecológica y Humana (COSECHA) trabalhará em 18 comunidades dos municípios de Alubarén, Cuarén e Reitoca na região sul do departamento de Francisco Morazán para incentivar o uso de métodos de cultivo ambientalmente responsáveis e para melhorar práticas de gerenciamento da água. 40 moradores serão treinados como agentes de extensão voluntária que disponibilizarão o treinamento necessário e assistência técnica. O trabalho beneficiará 350 hondurenhos diretamente e outros 1.740 indiretamente.

A Asociación de Desarrollo Triunfeña (ADETRIUNF) fornecerá treinamento e apoio financeiro para o desenvolvimento de microempresas por 150 jovens em 10 comunidades dentro e ao redor do município de El Triunfo, no departamento de Choluteca. Mais 3.000 hondurenhos beneficiarão indiretamente.

A Fundación Hondureña de Ambiente y Desarrollo Vida (FV) trabalhará para aumentar o rendimento dos agricultores no cinturão de seca das Honduras do sul, incentivando a aplicação de práticas "agroecológicas" que incluem a agricultura de plantio direto e o uso de quebra-ventos, cercas eletrificadas, palhagem verde e controle biológico de pragas, os quais tendem a proteger ou melhorar o ambiente. O projeto beneficiará diretamente 4.390 hondurenhos, incluindo muitos chefes de família do sexo feminino, nos municípios de Aguanqueterique e Lauterique, nos departamentos de La Paz e nos municípios de Aramecina e Caridad, departamento de Valle. Impactará indiretamente, pelo menos, mais 10.000 residentes.

Os Vecinos Honduras (VH) permitirá que os produtores de café em sete comunidades na zona Azabache do município de Danlí, departamento de El Paraíso, reduzam sua dependência de uma única cultura, introduzir o cultivo de frutas e legumes e aplicar práticas "agroecológicas" que protegem seu solo e suprimento de água. O treinamento também irá ajudá-los a gerir suas poupanças rurais e associações de empréstimo de forma mais eficaz. O trabalho beneficiará 1.060 agricultores e membros de suas famílias diretamente e outros 1.092 hondurenhos indiretamente.

A Organización para el Desarrollo de Corquín (ODECO-Corquín) envolverá 200 famílias e uma escola primária em seu esforço para melhorar a segurança alimentar, incluindo por compostagem de resíduos orgânicos e introduzir as crianças aos métodos agrícolas responsáveis e para desenvolver conselhos comunitários em áreas urbanas dos municípios de Corquín e San Pedro de Copán. O trabalho beneficiará 1.000 hondurenhos diretamente e outros 2.000 indiretamente.

A Asociación de Mujeres Intibucanas Renovadas (AMIR), composta de mulheres indígenas das áreas rurais dos municípios de Intibucá e San Francisco de Opalaca, treinará seus membros em métodos de produção compatíveis com o uso responsável do meio ambiente e em abordagens eficazes para comercialização das frutas e geleias que processam e melhorará suas instalações de armazenagem. O resultado deve ser um suprimento de alimentos mais confiável, melhor uso dos recursos naturais e melhoria dos rendimentos familiares. Cerca de 300 hondurenhos beneficiarão diretamente e outros 3.000 indiretamente.

A Cooperativa Agrícola Esfuerzo Occidental Limitada (CAEOL) trabalhará em 10 municípios em dois departamentos no oeste das Honduras para ajudar seus produtores associados a adotar práticas compatíveis com o uso responsável do meio ambiente, aumentar a produção e gerar mais rendimento. Como uma organização, CAEOL desenvolverá suas habilidades administrativas, expandirá seus membros, encontrará novos mercados e proporcionará treinamento técnico. 

Os Cangrejal Tours, S. De R. L. (Cangrejal Tours) desenvolverá sua capacidade organizacional para proteger os recursos ambientais através do ecoturismo através da sensibilização cívica entre os turistas e comunidades sobre questões ambientais, tais como a importância de não poluir habitats locais. Melhorará os serviços e marketing dirigidos a turistas, resultando em melhores rendimentos para os jovens locais. Cerca de 195 jovens beneficiarão diretamente com as atividades do projeto e outros 1.020 moradores de Las Mangas e suas comunidades vizinhas, no departamento de Atlántida beneficiarão indiretamente.

A Fundación Comunitaria Puca (PUCA), composta por 28 comunidades no departamento de Lempira, desenvolverá a capacidade de seus membros para gerenciar os recursos naturais do Refugio de Vida Silvestres Montaña de Puca em colaboração com ordenamento hidráulico e florestal local e um corpo de voluntários de guardas florestais. Os participantes se comprometerão à advocacia em nome da reserva, instalarão tecnologias compatíveis com seus ecossistemas, aplicarão técnicas de saneamento para proteger as bacias hidrográficas e desenvolverão ainda mais como organizações. O trabalho beneficiará 1.500 hondurenhos diretamente e outros 2.000 indiretamente.

A Federación de Juntas Administradoras de Agua y Saneamiento de Morazán Yoro in Honduras (FEJASMY) trabalhará para garantir a suficiência e qualidade do suprimento de água em 12 comunidades de Morazán, Yoro, através do treinamento de seus conselhos de administração de água no gerenciamento e manutenção eficaz; promover o uso eficiente; reparação, atualização e expansão da infraestrutura; e se desenvolver como uma organização capaz de priorizar as necessidades, identificar fontes de recursos, defendendo de forma eficaz em nome dos constituintes e empreender novos projetos. O fluxo mais confiável de água potável deverá beneficiar 8.000 hondurenhos diretamente e outros 8.000 indiretamente em comunidades próximas.

A Cooperativa de Servicios Agropecuarios 25 de Julio in Honduras (25 de Julio), localizada no município de Victoria, Yoro, ajudará seus membros a melhorar seus rendimentos através do desenvolvimento de habilidades administrativas da cooperativa, realização de treinamento, oferta de crédito em parceria com uma comunidade de associação de poupanças e empréstimos, aumentando a produção de café, reunindo colheitas para vender em volume e atingir novos mercados. O trabalho beneficiará 105 hondurenhos diretamente e outros 550 indiretamente.
A Unión de Cajas Rurales del Occidente de Honduras (UCROH), uma organização de cooperativas de crédito rural (cajas rurales), fornecerá empréstimos e treinamento em gerenciamento eficaz para garantir a sustentabilidade a longo prazo dessas cooperativas. Também aumentará sua participação em quatro municípios no departamento de Intibucá. Cerca de 300 pessoas beneficiarão diretamente e outras 900 indiretamente. 

A Centro para el Desarrollo y la Cooperación LGBTI (SOMOS CDC) fornecerá treinamento e acesso a empréstimos, organização de intercâmbios e trabalho para promover os direitos LGBTI nas Honduras. Cerca de 200 indivíduos de Tegucigalpa e Comayagüela se beneficiarão diretamente e 300 indiretamente.

A Fundación Chorotega (FUNDACHOR) construirá a capacidade dos cinco grupos de produtores de camarão predominantemente do sexo feminino para aumentar seus rendimentos, oferecendo treinamento, assistência técnica, materiais e intercâmbios, e avaliar a criação de uma associação de produtores de camarão. O subsídio beneficiará 140 produtores diretamente e mais de 500 pessoas indiretamente em Namasigue, no departamento de Choluteca.

Centro Integral Misión de Amor (CIMA) trabalhará para ameliorar a qualidade da vida e a integração de jovens com deficiência por melhoria do seu competências técnicas, consciencialização pública através de uma campanha sobre os direitos das pessoas com deficiência, e o fornecimento de capacitação em na língua de sinais. O projeto beneficiará 90 pessoas diretamente e 260 indiretamente em pelo menos quatro municipalidades: La Esperanza, Intibucá, Jesus de Otoro e Yamaranguila no departamento de Intibucá, Honduras.

O Centro de Enseñanza Aprendizaje de Agricultura Sostenible El Socorro (CEASO) vai empoderar famílias em aproximadamente 12 comunidades localizadas dentro e perto da zona tampão da Reserva Biológica de Montecillos. O projeto estabelecerá uma suprimento alimentar mais confiável através do treinamento em agrossilvicultura e produção agroecológica usando a abordagem da Finca Humana (Fazenda Humana). O CEASO também ajudará a restaurar ecossistemas naturais através do estabelecimento de três viveiros comunitários e individuais, beneficiando 1.100 pessoas diretamente e outras 9.000 indiretamente.

O Centro de Desarrollo Humano (CDH) fortalecerá e expandirá redes de organizações de jovens para que possam participar na cívica ativamente e lidarar a prevenção da violência social e a promoção dos direitos fundamentais do joven. As atividades da doação incluem a capacitação de jovens em liderança, desenvolvimento organizacional, monitoramento e promoção da política pública. CDH também estabelecerá centros locais gerados por jovens  que fornecerão oportunidades recreacionais, artísticas e econômicas. O projeto, que será realizado em seis municipalidades no sul do Honduras e em Tegucigalpa, beneficiará 1.200 jovens diretamente e mais do 5.000 indiretamente.

A Asociación Solidaridad (SOLIDARIDAD) promoverá a expansão dos sistemas de produção agrícola agroecológica com famílias em 12 comunidades do município de Opatoro, no departamento de La Paz, usando a abordagem da Finca Humana (Fazenda Humana). A SOLIDARIDAD fornecerá treinamento e assistência técnica para diversificar e melhorar a produção agrícola para a obtenção da segurança alimentar e o estabelecimento de grupos de solidariedade, além de um conselho de solidariedade para melhorar a assistência mútua, o conhecimento compartilhado e a tomada de decisões. O projeto beneficiará diretamente 270 pessoas, e outras 600 indiretamente.

O Programa de Reconstrucción Rural (PRR) promoverá a expansão de sistemas agroecológicos, fortalecerá comitês de pesquisa agricultural dirigidos por agricultores locais (CIAL) e ligará associações de produtores com mercados locais e regionais. Essas atividades ameliorarão a qualidade da vida das famílias em 24 comunidades nos municípios de San Andres, Santa Cruz, Concepción Sur e San Padro de Zacapa nos departamentos de Lempira e Santa Barbara no oeste do Honduras. O PRR fornecerá capacitação, assistência técnica, materiais e acesso a fundos de capital de giro para diversificar e ameliorar a produção agroecológica e assegurar recursos alimentares locais. PRR fortalecerá os CIALes para que possam produzir e vender sementes nativas melhoradas resistentes a condições difíceis do meio ambiente. O projeto beneficiará 400 pessoas diretamente e 2.400 outras indiretamente.

A Asociación Nacional para el Fomento de la Agricultura Ecológica (ANAFAE) trabalhará com 15 de suas organizações parceiras e com o escritório de coordenação nacional para melhorar o conhecimento, as habilidades e capacidades dos membros de promover métodos agrícolas sustentáveis e ecológicos (agroecologia) nas regiões sul e oeste de Honduras, sujeitas a secas. As atividades do projeto enfocam a assistência técnica e outros métodos de aprendizagem com parceiros, como a formação pedagógica inicial de formadores, envolvendo assuntos que incluem a expansão da transparência e a capacidade de responsabilidade das organizações-membros da ANAFAE, assim como a fortalecimento da coordenação geral entre os grupos. A ANAFAE também buscará expandir as atividades de comunicação para aumentar a conscientização sobre os resultados positivos e as práticas promissoras da agroecologia entre o público e os criadores de políticas, e contribuirá potencialmente para o aumento da mobilização de recursos tanto para membros individuais quando para a associação como um todo. O projeto beneficiará diretamente cerca de 100 treinadores comunitários e equipe técnica nas organizações-membros da ANAFAE, nas regiões sul e centro-oeste do país, e beneficiará indiretamente 10.000 produtores agrícolas nas comunidades servidas. 

Asociación Pro Comunidades Turísticas de Honduras (LAPROCOTURH) fortalecerá sua rede de 15 membros do comitê de turismo de base comunitária, localizada dentro ou perto de áreas protegidas na costa norte de Honduras. A LAPROCOTURH criará alianças de comércio para aumentar a visitação, fornecer treinamento, assistência técnica e acesso a crédito para seus membros a fim de melhorar a renda das pequenas empresas. Também aumentará a conscientização ambiental entre as comunidades onde seus membros se localizam, conscientizando-os também sobre os benefícios de proteger seus recursos naturais. O projeto beneficiará diretamente 500 pessoas localizadas nos oito municípios da costa norte, e outras 1.800 indiretamente.

A Fundación en Acción Comunitaria de Honduras (FUNACH) trabalhará com famílias no estabelecimento de sistemas agroflorestais que aumentarão a produção agricultural para garantir a segurança alimentar e fomentar a renda familiar através de atividades que também mitigarão a migração sazonal e protegirão recursos hídricos locais. Trabalhar em oito comunidades do município de Sulaco no departamento de Yoro, a FUNACH facilitará a obtenção de materiais e a assistência técnica para aumentar a produção  de café e grãos, protegir fontes comunitárias de água, melhorar a recolha e uso da água ao nível familiar e enriquecer a alimentação por quintais de legumes. Além disso, a FUNACH fornecerá treinamento a pelo menos 19 grupos comunitários para melhorar sua liderança e processos de toma de deçisão. O projeto beneficiará 850 pessoas diretamente e 950 pessoas indiretamente.

O projeto da Asociación de Desarrollo Pespírense (ADEPES) é o resultado dos esforços de conexão entre os cessionários jovens da IAF na América Central, iniciados em 2016. As três organizações que implementam este projeto são parceiras financiadas da IAF criativas e bem-sucedidas, que procuram estabelecer alternativas abrangentes de desenvolvimento para os jovens nas comunidades impactadas por altas taxas de migração, nas quais suas opções educacionais, sociais e de emprego são limitadas. O esforço colaborativo contribui para o compartilhamento do conhecimento entre os parceiros financiados, com a ADEPES e a ADETRIUNF incorporando programas de bolsas de estudos em sua abordagem geral e expandindo relacionamentos com o setor privado para uma maior sustentabilidade, áreas em que a OYE demonstra excelência. A OYE, de sua parte, se beneficiará da experiência da ADEPES e da ADETRIUNF no treinamento empresarial e no apoio às microempresas de jovens. Todas as três organizações possuem sólidos programas de treinamento em liderança e experiência no engajamento cívico, que pretendem sintetizar para o desenvolvimento de um currículo conjunto. Esta concessão é parte de uma iniciativa mais ampla da IAF, que enfoca o apoio à prosperidade econômica, à democracia e à governança consistente com a Estratégia dos E.U.A. para o Engajamento na América Central.

O Organismo Cristiano de Desarrollo integral de Honduras (OCDIH) fortalecerá a capacidade da formação de redes de organizações de mulheres e jovens e da Federación Hondureña de Indígenas Lencas (FHONDIL) de engajar tomadores de decisão dos setores público e privado nos municípios de Trinidad, Ilama e Chinda. O projeto promoverá o compartilhamento do conhecimento, planejamento e investimento por líderes-chave municipais, a fim de tratar da migração, violência e insegurança, e também das necessidades de desenvolvimento econômico que impactam suas comunidades. As atividades do projeto também incluirão o treinamento sobre os princípios e práticas necessário para a promoção de uma ‘cultura da paz’ em nível local, e o estabelecimento de mesas-redondas sobre segurança e paz na cidadania. Os beneficiários diretos incluem 250 jovens e mulheres; há também 5.350 beneficiários indiretos.

O apoio á Asociación del Trifinio para el Desarrollo Sostenible (ATRIDEST) ajudará a superar a falta de oportunidades de emprego, sobretudo por jovens, e a insegurança alimentar ligada ao tempo no departamento suloeste de Ocotepeque. A ATRIDEST implementará as atividades do projeto com 140 agricultores em 10 comunidades para ameliorar produção pelo estabelecimento de escolas de campo que compartilharão estrategias sustentáveis, como a gestão integrada de pragas, a irrigação por gotejamento e o uso de insumos orgânicos. A ATRIDEST trabalhará também com associações comunitárias de poupança e empréstimo (CRAC) para apoiar iniciativas orientadas para o mercado para seus membros agricultores e comunitários com o objetivo de aumentar sua produtividade e renda. A ATRIDEST proposa uma abordagem nova que usa escolas de campo como método da transferência de tecnologia para CRACs que crião beneficios mútuos como conexões diretas a mercados. O projeto beneficiarão 400 agricultores diretamente e 6.300 outros, inclusive suas famílias e os membros das 10 comunidades, indiretamente.  

Free viewers are required for some of the attached documents.
They can be downloaded by clicking on the icons below.

Acrobat Reader Flash Player QuickTime Windows Media Player Microsoft Silverlight Word Viewer Excel Viewer PowerPoint Viewer